Cadastre-se gratuitamente nas nossas newsletters

O Artifact, app de notícias dos criadores do Instagram, será encerrado em fev.2024.

O QUE HOUVE? Em um post publicado na noite desta sexta (12.jan), o CEO da startup, Kevin Systrom, deu a má notícia.

A explicação para o fim precoce do Artifact (o app foi anunciado em jan.2023) é a seguinte:

Construímos algo que um pequeno grupo de usuários adora, mas concluímos que a oportunidade de mercado não é grande o bastante para garantir um investimento contínuo. É fácil para startups ignorar essa realidade, mas muitas vezes tomar uma decisão difícil cedo é melhor para todos os envolvidos.

E AGORA? O desligamento do Artifact será feito em etapas.

De imediato, as partes sociais — publicação de posts e comentários — foram desativadas.

Segundo Systrom,

Esse tipo de conteúdo exige uma quantidade razoável de moderação e supervisão e não teremos braços para suportar tais recursos.

A curadoria automatizada de posts de veículos jornalísticos funcionará até o fim de fevereiro.

CONTEXTO. Quando revelaram o Artifact ao mundo, Systrom e Mike Kriger apresentaram-no como um “TikTok de textos”.

A ideia da dupla era usar inteligência artificial e algoritmos de recomendação para criar um feed de notícias personalizado.

Ao longo de 2023, o Artifact ganhou vários recursos interativos, como suporte a comentários e uma área em que os usuários podiam postar links e conteúdo — como em uma rede social.

A startup nunca revelou o número de usuários ativos no aplicativo.

Via @artifact_team/Medium (em inglês).

Post feito em parceria com o Manual do Usuário

ArtifactManual do Usuário
Venha para o NúcleoHub, nossa comunidade no Discord.