Redes debatem se é OK comemorar quando o Bolsonaro se dá mal

Tudo começou quando um professor da USP lamentou o 'ethos vingativo' depois da operação contra o ex-presidente

A operação da Polícia Federal contra o Bolsonaro e seus aliados suspeitos de tramar um golpe de estado teve momentos engraçados, como o comandante do Batalhão de Operações Psicológicas do Exército desmaiando.

É rir para não chorar?

O Bolsonaro ainda não foi preso, mas no dia em que ele for, muita gente vai celebrar.

Por outro lado, Manoel Galdino, professor de ciências políticas da USP, lamentou que o campo progressista tenha incorporado o "ethos vingativo" e disse que "nossa libido estar vinculada a isso é péssimo".

Então, é errado comemorar quando o Bolsonaro se dá mal? Muitas pessoas discordaram. E compartilharam histórias pessoais do auge da pandemia de covid-19.

É, parece que muitas pessoas acham OK comemorar quando o Bolsonaro se dá mal.

Mas cada um que faça a própria escolha.

Receba nossas newsletters e traga felicidade para sua vida.

Não perca nada: você vai receber as newsletters Garimpo (memes e atualidades), Polígono (curadoria de ciência nas redes sociais) e Prensadão (resumo semanal de tudo o que o Núcleo fez). É fácil de receber e fácil de gerenciar!
Show de bola! Verifique sua caixa de entrada e clique no link para confirmar sua inscrição.
Erro! Por favor, insira um endereço de email válido!