Cadastre-se gratuitamente nas nossas newsletters

Em 18 outubro de 2022, o Lula, então candidato à Presidência, deu uma entrevista ao podcast Flow. No mesmo dia, viralizou uma frase dele prometendo que, em seu governo, todo mundo ia namorar. Só que ele nunca disse isso. Era um meme — mais especificamente, um print com uma legenda falsa.

Corta pra esta segunda-feira (12.jun), dia dos namorados. Agora presidente, o Lula compartilha um corte feito pelo site Metrópoles de um discurso atual seu em que pede desculpas, em tom de brincadeira, por não ter cumprido a promessa de criar o Ministério do Namoro.

"Não acredito que o Lula acreditou no próprio Efeito Mandela", escreveu a professora de música Aria Rita.

Efeito Mandela, na definição do instituto Goethe, é "quando muita gente se lembra coletivamente de algo que não ocorreu":

"Essa denominação decorre do fato de muitas pessoas pensarem que Nelson Mandela havia morrido na prisão. O que não é verdade. Mandela foi libertado em 1990, tendo sido presidente da África do Sul entre 1994 e 1999. Ele morreu de pneumonia, no dia 5 de dezembro de 2013, cercado pelos membros mais próximos de sua família."

Em janeiro, antes de o Lula assumir a frase que nunca havia dito, a Aria já tinha levantado a questão.

Dezenas de pessoas responderam dizendo que se lembravam de ter visto o vídeo. Mas ninguém conseguiu apontar a minutagem ou encontrar o trecho. NINGUÉM.

Até que o estudante de audiovisual Paulo baixou as legendas automáticas do podcast e não encontrou a palavra "namoro" nem variantes. Caso encerrado, aparentemente.

É mole ou quer mais? Estamos todos loucos.

Twitter/X
Venha para o NúcleoHub, nossa comunidade no Discord.