Cadastre-se gratuitamente nas nossas newsletters

Livre do comando do Twitter desde o final de 2021, Jack Dorsey, co-fundador e ex-CEO da rede social, se viu mais confortável para tecer críticas mais incisivas à sua criação.

Neste domingo (3.abr), no Twitter, Dorsey publicou:

As tecnologias citadas por ele são antigas, abertas e não são controladas por uma ou outra empresa, diferentemente do Twitter, Facebook e outras que monopolizaram a comunicação digital com “jardins murados” (plataformas que não se comunicam com o mundo externo).

Via @jack/Twitter (em inglês).

Twitter/XManual do Usuário
Acesse o NúcleoHub, nossa comunidade no Discord.