Repúdio ao ataque sofrido por Vera Magalhães domina redes de políticos

Robozinho do Núcleo identifica tweets populares de diversos políticos; na rede, nome da jornalista teve mais de 72 mil menções

O ataque contra a jornalista Vera Magalhães pelo deputado estadual paulista Douglas Garcia (Republicanos), na noite de terça-feira (13.set.2022), levou o nome dela para os assuntos mais comentados do Twitter e entre os termos mais buscados no Google.

NOSSO ROBOZINHO. O Weber, bot do Núcleo que compartilha os tweets mais populares de políticos brasileiros, identificou os posts do deputado federal Eduardo Bolsonaro (PL-SP),  do candidato à Presidência Ciro Gomes (PDT), do candidato ao governo de SP Fernando Haddad (PT) e da deputada federal Tabata Amaral (PSB-SP) sobre o assunto como os mais populares.

O Weber puxa os dados do Political Pulse Brasil, nosso app de monitoramento de políticos nas redes. A metodologia do Political Pulse pode ser acessada aqui.

O QUE ACONTECEU? Vera, que é apresentadora do programa Roda Viva, da TV Cultura, e colunista do jornal O Globo e da rádio CBN - foi hostilizada e agredida verbalmente no fim do debate promovido por UOL, TV Cultura e Folha de S.Paulo com candidatos ao governo de São Paulo.

O deputado se aproximou da jornalista e afirmou que Vera era "uma vergonha para o jornalismo”, reproduzindo as palavras do presidente Jair Bolsonaro no debate entre presidenciáveis de 28.ago.2022, e questionou o contrato de trabalho da jornalista.

REPERCUSSÃO. Políticos dos mais diversos partidos, incluindo o candidato ao governo de São Paulo Tarcísio de Freitas (Republicanos), que convidou Douglas Garcia ao debate, repudiaram o ataque nas redes sociais. No Twitter, o nome da jornalista teve mais de 72 mil menções. Segundo o Google Trends, "Vera Magalhães" chegou a atingir o pico (100, em uma escala de 0 a 100) de buscas no site na tarde de hoje.

Texto Julianna Granjeia
Edição Alexandre Orrico

Faça parte da conversa

Apoie o Núcleo para publicar seu comentário, reagir à matéria e participar da conversa. Caso já seja apoiador ou apoiadora, faça login abaixo sem senha, usando apenas seu email.


Veja nossas publicações abertas

Você se inscreveu no Núcleo Jornalismo
Legal ter você de volta! Seu login está feito.
Ótimo! Você se inscreveu com sucesso.
Seu link expirou
Sucesso! Veja seu email para o link mágico de login. Não é preciso senha.
Por favor digite ao menos 3 caracteres 0 Resultados da busca