Campanha de Lula pede que TSE questione YouTube sobre Jovem Pan

Em ação, coligação alega que Youtube está descumprindo memorando de entendimento assinado junto ao TSE

A campanha do candidato à Presidência Luiz Inácio Lula da Silva protocolou nesta quarta-feira (14.set.2022) ação no Tribunal Superior Eleitoral solicitando que a corte peça esclarecimentos ao Google sobre o alegado privilégio dado pelo YouTube a vídeos da Jovem Pan na plataforma.

A ação baseia-se em estudo da NetLab UFRJ divulgado pela Folha de S. Paulo na terça-feira (13.set.2022), que identificou um privilégio dado a conteúdos pró-Bolsonaro da Jovem Pan na recomendação de vídeos a usuários novos no YouTube.

"A Rede Jovem Pan, por sua vez, tem evidente tendência ideológica, sendo feroz crítica dos candidatos pela Coligação Brasil da Esperança e complacente com o sr. Jair Bolsonaro, que contava inclusive com a 'parceria' da rede de comunicação para retransmitir suas 'lives' semanais", diz a ação.

DESCUMPRIMENTO. A campanha de Lula e a Coligação Brasil da Esperança alegam no documento que os fatos trazidos à tona no estudo indicam que o YouTube não estaria cumprindo com o Memorando de Entendimento assinado junto ao TSE, pois falha em "conceder acesso aos seus usuários a um contexto amplo de informações de fontes confiáveis".  

A ação propõe que o "Tribunal Superior Eleitoral solicite da Google Brasil esclarecimentos sobre o cumprimento do Memorando de Entendimento assinado por ambas as partes e, sobretudo, quais serão as medidas adotadas para fazer cessar a irregularidade assinalada pelo estudo da Universidade Federal do Rio de Janeiro acima mencionado".

Texto Laís Martins
Edição Sérgio Spagnuolo

Faça parte da conversa

Apoie o Núcleo para publicar seu comentário, reagir à matéria e participar da conversa. Caso já seja apoiador ou apoiadora, faça login abaixo sem senha, usando apenas seu email.


Veja nossas publicações abertas

Você se inscreveu no Núcleo Jornalismo
Legal ter você de volta! Seu login está feito.
Ótimo! Você se inscreveu com sucesso.
Seu link expirou
Sucesso! Veja seu email para o link mágico de login. Não é preciso senha.
Por favor digite ao menos 3 caracteres 0 Resultados da busca