Cadastre-se gratuitamente nas nossas newsletters

A revista Wired deu uma olhada na API do Mastodon e descobriu uma queda relevante no número de usuários ativos.

O QUE HOUVE? Segundo a publicação, no final de janeiro a quantidade de usuários ativos era de 1,4 milhão.

Dois meses antes, em novembro, o Mastodon registrava cerca de 2,5 milhões de usuários ativos.

Os números mostram uma queda de 44% nos usuários ativos da plataforma.

POR QUÊ? É natural que serviços e produtos “novos”, ou que pegam carona em eventos externos e explodem da noite para o dia, não retenham todos os novos usuários.

No caso do Mastodon, a Wired especula que as diferenças da plataforma com o Twitter, de onde vem a maioria dos novos usuários, funciona como atrito extra para que eles se sintam em casa.

(Não à toa, é comum ver gente abandonando o Twitter e, em seguida, retornando ao Twitter após uma tentativa frustrada de usar o Mastodon.)

COPO MEIO CHEIO. Apesar da baixa, pessoas entrevistadas pela Wired acham que o saldo é positivo.

Robert Gehl, da Universidade York, no Canadá, disse que a explosão de usuários vindos do Twitter mostrou que o Mastodon é capaz de “escalar”, ou seja, de crescer.

Vários donos de instâncias (servidores/comunidades) do Mastodon que viram suas bases de usuários aumentar muito no final de 2022 contaram que, apesar das baixas, o volume de usuários ativos ainda é bem maior do que antes de Elon Musk assumir o Twitter.

Para entender as diferenças entre Twitter e Mastodon e não se perder ao tentar usar o Mastodon, leia este artigo do Núcleo.

Via Wired (em inglês).

Post feito em parceria com o Manual do Usuário

MastodonTwitter/XManual do Usuário
Venha para o NúcleoHub, nossa comunidade no Discord.