Cadastre-se gratuitamente nas nossas newsletters

O WhatsApp liberou pagamentos a pequenas empresas sem sair do aplicativo no Brasil, nesta terça (11.abr).

O QUE HOUVE? Já faz alguns anos que é possível transferir valores entre pessoas físicas no Brasil.

A novidade é que agora passa a ser possível fazer pagamentos a pequenas empresas dentro do aplicativo, “sem precisar acessar sites, abrir outros apps ou pagar pessoalmente”, segundo a empresa.

O WhatsApp/Meta classifica a novidade como “um divisor de águas para pessoas e pequenas empresas que desejam comprar e vender no WhatsApp”.

Quatro prints do WhatsApp mostrando o fluxo de pagamento a pequenas empresas sem sair do aplicativo.
Imagem: WhatsApp/Divulgação.

COMO FUNCIONA? É possível pagar pelo WhatsApp com cartões de débito, crédito ou pré-pagos Mastercard e Visa dos diversos bancos participantes (veja a lista).

Do lado das pequenas empresas, é necessário vincular o WhatsApp Business a um dos parceiros de pagamentos compatíveis, “como Cielo, Mercado Pago ou Rede”, e criar um pedido dentro do app para aceitar pagamentos (veja como).

SEGURANÇA. O WhatsApp reforça que os números dos cartões usados nas transações são “criptografados e armazenados de forma segura”, e que é necessário criar um PIN de pagamentos que é exigido a cada transação.

CONTEXTO. Os pagamentos via WhatsApp foram meio que atropelados pelo sucesso do Pix no Brasil e entraves regulatórios impostos pelo Banco Central e pelo Cade.

A nova funcionalidade decorre de uma autorização obtida junto ao Banco Central pelo WhatsApp em março, para pagamentos de pessoas para lojistas (P2M).

Com pagamentos a empresas, o WhatsApp alcança a completude na jornada do cliente, como a própria empresa explica:

No Brasil você pode procurar uma empresa, navegar por produtos e serviços, adicioná-los ao seu carrinho e fazer um pagamento, tudo isso com apenas alguns toques. Estamos felizes em finalmente poder oferecer esse recurso para pessoas e empresas dentro de uma conversa.

É uma notícia importante para a Meta. Prova disso é que Mark Zuckerberg, CEO da empresa, fez um comentário em sua página pessoal no Facebook:

People in Brazil will be able to pay local businesses right in a WhatsApp chat. We'll be rolling this feature out to more businesses in the coming months.

Posted by Mark Zuckerberg on Tuesday, April 11, 2023

Via Blog do WhatsApp.

Post feito em parceria com o Manual do Usuário

MetaWhatsAppManual do Usuário
Venha para o NúcleoHub, nossa comunidade no Discord.