O aniversário do supermercado Guanabara não é mais o mesmo

Inflação e o desemprego esvaziaram o evento, que era sempre lotado. Cenas inacreditáveis e disputas por produtos deram lugar a corredores vazios e tranquilos...

A alta da inflação, a queda na renda e o desemprego parecem ter feito as cenas inacreditáveis de outros anos darem lugar a imagens de corredores vazios

Mesmo quem nunca pisou no Rio de Janeiro provavelmente conhece a fama do aniversário do Guanabara, rede de supermercados carioca que costuma comemorar seus anos com promoções agressivas o suficiente para gerar esse tipo de cena:

Ou este tipo de situação:

Ao longo dos anos, o aniversário do Guanabara se consolidou como uma das maiores tradições cariocas. As cenas abaixo são de 2018:

E esta imagem icônica, de 2017:

Ou esta batalha de 2011:

Por isso, apesar da pandemia e das medidas tomadas pelo mercado para diminuir aglomerações (que foram estender o período promocional por mais dez dias, distribuir os produtos em paletes e adiantar o horário de abertura das lojas em uma hora), havia uma certa expectativa para o aniversário do Guanabara 2021.

Mas essa expectativa, como quase todas no Brasil de 2021, foi frustrada.

Os consumidores que foram ao mercado nem acreditaram.

A comparação das imagens do aniversário deste ano com o de outros carnavais foi inevitável:

Assim como a conclusão óbvia: a alta dos preços, o desemprego e a queda na renda tiraram mais esta alegria do carioca e do brasileiro.

Será que um dia seremos felizes novamente? Fica este tuíte nostálgico para reflexão.


Veja nossas publicações abertas

Você se inscreveu no Núcleo Jornalismo
Legal ter você de volta! Seu login está feito.
Ótimo! Você se inscreveu com sucesso.
Seu link expirou
Sucesso! Veja seu email para o link mágico de login. Não é preciso senha.
Por favor digite ao menos 3 caracteres 0 Resultados da busca