YouTube proíbe vídeos que questionem a legitimidade das eleições de 2018

Nova proibição é parte do rol de medidas da plataforma para combater a desinformação eleitoral nas eleições de outubro.

O YouTube atualizou suas diretrizes de comunidade referentes às eleições de olho nas de outubro, aqui no Brasil. Além de regras que já existiam, como a proibição de certos conteúdos que desinformam — dia e horário de votar errados, quem pode e que não pode candidatar-se etc. —, a plataforma de vídeos do Google anunciou algumas mudanças:

  • A política de integridade das eleições, que proíbe “informações falsas sobre fraude generalizada, erros ou problemas técnicos que supostamente tenham alterado o resultado de eleições anteriores, após os resultados já terem sido oficialmente confirmados”, passa a valer para as eleições de 2018 e tem efeito retroativo. Em outras palavras, o YouTube não permitirá que usuários, qualquer que seja, questione a legitimidade do processo eleitoral de 2018.
  • Buscas e vídeos relacionados à urna eletrônica brasileira e ao título de eleitor terão rótulos com links para a Justiça Eleitoral — essa medida já está valendo no Facebook e Instagram, com resultados positivos.
  • Vídeos que “chegam perto de violar as diretrizes da comunidade”, mas que não as violam, serão permitidos, porém não serão recomendados pelo algoritmo do YouTube. O objetivo é manter as visualizações de recomendações para conteúdo duvidoso abaixo de 0,5%.

Em novembro de 2021, o Google iniciou um projeto para cadastrar previamente anunciantes interessados em veicular anúncios eleitorais, inclusive no YouTube. Identidade e valores desses anúncios, promete a empresa, serão tornados públicos em um relatório de transparência. Via YouTube, Google.


Veja nossas publicações abertas

Você se inscreveu no Núcleo Jornalismo
Legal ter você de volta! Seu login está feito.
Ótimo! Você se inscreveu com sucesso.
Seu link expirou
Sucesso! Veja seu email para o link mágico de login. Não é preciso senha.
Por favor digite ao menos 3 caracteres 0 Resultados da busca