Lista de instâncias brasileiras do Mastodon

Ao contrário do Twitter, o Mastodon é descentralizado

A venda do Twitter ao bilionário Elon Musk provocou um êxodo de usuários preocupados com o futuro da rede para o Mastodon, uma alternativa descentralizada e de código aberto.

O Mastodon se parece com o Twitter, mas é diferente em alguns aspectos principais. Talvez o mais importante dele seja a descentralização. Em vez de um lugar central para se cadastrar, como ocorre no Twitter, no Mastodon existem instâncias, ou servidores diversos, que são independentes, mas que podem se comunicar entre si.

A melhor analogia é o e-mail. Alguém com um e-mail no Gmail pode se comunicar com outra pessoa que usa o Hotmail, ou que tem um servidor/domínio próprio.

Tanto é assim que, no Mastodon, o “nome de usuário” sempre vem acompanhado do endereço da instância. O perfil do Manual do Usuário, por exemplo, é @[email protected].

A escolha da instância é importante por dois motivos:

  1. Cada instância tem regras próprias de moderação, de aceitação de novos membros e de relacionamento com outras instâncias. Instâncias grandes e genéricas, como a mastodon.social, não diferem muito da experiência do Twitter.
  2. Ao contrário do e-mail, a instância oferece interação entre seus membros. Numa analogia urbana, é como se a instância fosse um condomínio e todos esses condomínios formassem uma cidade. Existe uma linha do tempo extra, a local, com toots (como são chamados os posts no Mastodon) dos membros da instância. Por isso, é legal participar de uma com que se tenha alguma afinidade — pode ser temática, geográfica ou de idioma.

Abaixo, há uma lista com as instâncias brasileiras ativas e o estado delas no momento:

  • bantu.social: Aberta para novos cadastros, sujeito a revisão manual da administração.
  • colorid.es: Aberta para novos cadastros, sujeito a revisão manual da administração.
  • masto.donte.com.br: Fechada para novos cadastros.
  • mastodon.com.br: Fechada para novos cadastros.
  • ursal.zone: Aberta para novos cadastros, sujeito a revisão manual da administração.

Independentemente da instância escolhida, leia as regras dela antes de começar a postar. Pode parecer bobagem, e algo que ninguém faz no Twitter, mas no Mastodon é algo importante e levado a sério pelos administradores das instâncias.

Para entender melhor o funcionamento do Mastodon, leia esta matéria do Manual do Usuário:

Como seria um Twitter gerenciado pelos próprios usuários, sem a empresa Twitter? Assim
O Twitter, uma rede social comercial, é cheio de problemas. Diferente dele, o Mastodon, rede social de código aberto e federada, se apresenta como alternativa mais saudável e respeitosa.

Post feito em parceria com o Manual do Usuário

Veja nossas publicações abertas

Você se inscreveu no Núcleo Jornalismo
Legal ter você de volta! Seu login está feito.
Ótimo! Você se inscreveu com sucesso.
Seu link expirou
Sucesso! Veja seu email para o link mágico de login. Não é preciso senha.
Por favor digite ao menos 3 caracteres 0 Resultados da busca