Estudo diz que paulistanos engajam pouco com política, mas ativismo digital é destaque

Estes e outros resultados da pesquisa estão publicados na edição desta segunda-feira da revista “Brazilian Political Science Review”

Apenas 26% dos eleitores paulistanos entrevistados em estudo sobre participação política e cultura democrática afirmam participar de algum ambiente de engajamento coletivo sobre política. A boa notícia é que o movimento de ativismo digital tem gerado uma maior participação política e de engajamento tanto em influenciadores quanto em cidadãos comuns.

Os resultados estão publicados na edição desta segunda-feira (11.jul.2022) da revista “Brazilian Political Science Review” por pesquisadores do Instituto Sivis, organização sem fins lucrativos, voltada à promoção dos valores democráticos.

DESTAQUES:

  • Pesquisa com 2.417 pessoas que votam na capital paulista aponta que 74% não participam de nenhum ambiente de engajamento coletivo (arena) sobre política.
  • 15% dos entrevistados afirmam atuar na arena digital, por meio de mídias sociais, fóruns de discussão, consultas e pesquisas eletrônicas.
  • A arena política digital concentra a maior proporção de indivíduos que participam de apenas uma arena, com quase metade (48,7%) de ativistas somente no digital.

PESQUISA: O questionário foi aplicado em 2019 junto a 2.417 participantes que residem e votam nas diferentes zonas de São Paulo, a partir de 16 anos. O objetivo do artigo publicado foi investigar a participação digital e a cultura democrática, buscando compreender dois aspectos: 1) se essa participação digital está substituindo outras formas de engajamento nos processos democráticos e 2) se os ativistas digitais compartilham de uma cultura política específica em relação a atitudes fora da rede.

O Índice de Democracia Local (IDL) utilizado neste artigo, segundo os autores, toma como base que o nível local funciona como uma “escola de democracia” e revela o que as pessoas pensam e se preocupam em seu cotidiano, buscando encontrar soluções para os problemas coletivos. As perguntas do IDL exploraram cinco dimensões: Processo Eleitoral; Liberdades e Direitos; Funcionamento do Governo Local; Participação Política; e a Cultura Democrática.

NOVAS TECNOLOGIAS NA POLÍTICA: “A ascensão da democracia digital é uma realidade inevitável, o que tem ajudado a fomentar a participação da sociedade civil na vida pública. De acordo com alguns estudos, a relação entre as novas tecnologias digitais, a participação política e a cultura democrática afeta o uso diferente dessas tecnologias pelos cidadãos. Diante disso, quisemos entender esse processo em São Paulo e assim investigar a qualidade da democracia na cidade, o que serve de referência para o restante do país” explica Diego Moraes, um dos autores da pesquisa.

Ainda de acordo com Moraes, o ambiente digital não substitui outras formas de participação. A participação digital ajuda a garantir que os espaços cibernéticos incentivem a cultura democrática e as habilidades enquanto usuários de ambientes políticos. “O digital abre uma nova arena de participação para um número significativo de indivíduos que não participariam de outra forma. A participação digital complementa outras formas de participação em processos democráticos, sendo que os ativistas digitais ‘abraçam’ a cultura democrática de forma mais significativa do que os não ativistas. Contudo, há que se ressalvar que, em comparação com os ativistas que participam de diversas arenas, os ativistas digitais apresentam atitudes e valores democráticos menos desenvolvidos”, conclui.

Fonte: Agência Bori


Faça parte da conversa

Reações de apoiadores
carregando reações...

Apoie o Núcleo para publicar seu comentário, reagir à matéria e participar da conversa. Caso já seja apoiador ou apoiadora, faça login abaixo sem senha, usando apenas seu email.


Veja nossas publicações abertas

Você se inscreveu no Núcleo Jornalismo
Legal ter você de volta! Seu login está feito.
Ótimo! Você se inscreveu com sucesso.
Seu link expirou
Sucesso! Veja seu email para o link mágico de login. Não é preciso senha.
Por favor digite ao menos 3 caracteres 0 Resultados da busca