ONGs, empresas e até a União Europeia lançaram instâncias do Mastodon

Graças à descentralização do Mastodon, qualquer um pode subir sua própria versão da rede social.

A catástrofe Elon Musk fez muita gente descobrir o Mastodon e sua dinâmica descentralizada, baseada em instâncias/servidores espalhados pela internet.

Com isso, já começam a surgir instâncias temáticas e atreladas a instituições renomadas.

O QUE HOUVE? O Internet Archive, ONG que se dedica à preservação de materiais digitais, lançou a sua instância no último domingo, a mastodon.archive.org.

Ao justificar o movimento, o Internet Archive explicou que “precisamos de um jogo com muitos ganhadores, não apenas algums jogadores poderosos”. Membros da equipe ganharam perfis na instância e há um dedicado a divulgar notícias, eventos e curiosidades do projeto.

A instância do navegador web Vivaldi está atrelada à conta gratuita que os usuários têm para sincronizar seus dados — quem tem uma conta pode se logar com ela na social.vivaldi.net.

“Com o Vivaldi Social, nossa crença em uma abordagem movida pela comunidade se fortalece”, escreveu Jon von Tetzchner, co-fundador e CEO da empresa.

INSTÂNCIA DO TWITTER. A instância mais curiosa é a macaw.social, criada por e para ex-funcionários do Twitter demitidos por Elon Musk.

A ironia não passou batida por Eugen Rochko, fundador e líder do projeto Mastodon. Em seu perfil, ele escreveu:

Acho glorioso que agora exista um servidor Mastodon operador por pessoas que trabalhavam para o Twitter. Eu jamais imaginaria isso quando comecei [o projeto] em 2016.

O criador da instância, @[email protected], respondeu Eugen. Ele disse tê-la criado só de farra, e que ficou lisonjeado com a repercussão e a procura — já são mais de 600 membros na instância.

PRECEDENTE ESTATAL. No final de abril, quando a compra do Twitter por Musk ainda estava longe no horizonte, a União Europeia lançou sua instância Mastodon.

Em nota publicada à época, Wojciech Wiewiórowski, supervisor da proteção de dados europeu, disse que o objetivo era “oferecer plataformas de mídias sociais alternativas que prioriza indivíduos e seus direitos à privacidade e proteção de dados”.

O objetivo da instância, social.network.europa.eu, é permitir que instituições e agências ligados ao grupo continental possam divulgar novidades e dialogar com os cidadãos.

INSTÂNCIA? Ao contrário do Twitter, que é centralizado, no Mastodon qualquer pessoa ou empresa pode subir sua própria instância/servidor, num modelo descentralizado.

Essa é uma característica do ActivityPub, o protocolo em que o Mastodon funciona.

Para entender melhor e conhecer algumas instâncias brasileiras, leia este material do Manual do Usuário.

Via Internet Archive, Vivaldi, @[email protected], @[email protected], Gizmodo (todos em inglês).

Post feito em parceria com o Manual do Usuário

Veja nossas publicações abertas

Você se inscreveu no Núcleo Jornalismo
Legal ter você de volta! Seu login está feito.
Ótimo! Você se inscreveu com sucesso.
Seu link expirou
Sucesso! Veja seu email para o link mágico de login. Não é preciso senha.
Por favor digite ao menos 3 caracteres 0 Resultados da busca