Cadastre-se gratuitamente nas nossas newsletters

O TikTok expandiu a rotulagem de perfis de veículos de imprensa vinculados a Estados.

O QUE HOUVE? A partir de agora, veículos de 40 países passaram a receber um rótulo, que “ajudar os espectadores a entender melhor as fontes por trás do conteúdo a que assistem”.

Trata-se da expansão de um teste iniciado em 2022 com veículos da Bielorrúsia, Rússia e Ucrânia, iniciado após a invasão russa da Ucrânia.

A rede da ByteDance avalia alguns parâmetros para decidir se um veículo é vinculado ao governo do seu país, como práticas editoriais, lideranças e governança.

Segundo o TikTok,

“Nossa política considera a mídia controlada pelo Estado como uma entidade onde há evidências de claro controle editorial e tomada de decisão por membros do governo.”

Um sistema de apelação é oferecido a veículos que julgarem terem sido injustamente rotulados.

CONTEXTO. A novidade do TikTok é velha conhecida em outras redes sociais, como Facebook, Twitter e YouTube, que há anos exibem rótulos do tipo.

ONDE? O comunicado à imprensa não informa os 40 países contemplados com a novidade. A lista abaixo foi obtida pelo site TechCrunch:

Afeganistão, Alemanha, Armênia, Áustria, Azerbaijão, Bélgica, Bulgária, Canadá, Cazaquistão, China, Chipre, Croácia, Dinamarca, Eslováquia, Eslovênia, Espanha, Estados Unidos, Estônia, Finlândia, França, Georgia, Grécia, Holanda, Hungria, Irlanda, Itália, Japão, Quirguizistão, Letônia, Lituânia, Luxemburgo, Malta, Moldávia, Mongólia, Polônia, Portugal, Reino Unido, República Tcheca, Romênia, Suécia, Tajiquistão, Turcomenistão e Usbequistão.

Via TikTok, TechCrunch (em inglês).

Post feito em parceria com o Manual do Usuário

TikTokManual do Usuário
Venha para o NúcleoHub, nossa comunidade no Discord.