Cadastre-se gratuitamente nas nossas newsletters

A Microsoft quer uma nova agência nos Estados Unidos para regular a inteligência artificial e requisitos de licenciamento para operar as ferramentas de IA mais poderosas, disse o presidente da empresa, Brad Smith, na quinta-feira (25.maio), durante uma reunião na capital americana.

O QUE ROLOU? Smith afirmou que "o Estado de Direito e o compromisso com a democracia mantiveram a tecnologia em seu devido lugar" e é preciso ter a mesma postura com a IA.

Uma das propostas da "estrutura básica" da Microsoft para regulamentar a IA inclui a implementação de dispositivos de segurança que permitiriam o desligamento rápido de algoritmos em caso de necessidade.

PRESIDÊNCIA. O executivo também ressaltou a importância para que o presidente americano, Joe Biden, assine uma ordem executiva para que os órgãos federais sigam o framework de gestão de riscos do Instituto Nacional de Padrões e Tecnologia (NIST, na sigla em inglês) ao utilizarem ferramentas de IA.

Smith acrescentou que a Microsoft também seguiria as diretrizes do NIST e publicaria anualmente um relatório de IA para fins de transparência.

TAMBÉM ROLOU. O presidente da OpenAI (financiada pela Microsoft), Sam Altman, também defendeu a criação de uma nova entidade reguladora e a realização de auditorias independentes nos modelos de IA durante seu depoimento no Congresso.

Via Engadget (em inglês)

Inteligência ArtificalMicrosoft
Venha para o NúcleoHub, nossa comunidade no Discord.