Por que o Brasil odeia tanto a pizza de calabresa sem queijo?

Vamos colocar a mão na consciência.

Receba de graça a newsletter Garimpo


Para reportar sobre este assunto, terei que arrancar meu manto da imparcialidade. Porque nesta história eu estou ao lado da Justiça e da Verdade. E é justo e verdadeiro defender a dignidade da pizza de calabresa com cebola e sem queijo.

Tudo começou com este diálogo do Asafe Malafaia com um funcionário da pizzaria Bella Pizza no chat do iFood. O Asafe reclamou que a pizza de calabresa dele tinha vindo sem queijo.

Reprodução / Twitter

Nós paulistanos somos motivo de chacota no resto do Brasil porque falamos igual ao Boça, porque nosso cuscuz é feito com restos de ralinho de pia, porque vamos à balada com a Fê, a Má e a Ju e porque nossa pizza de calabresa vem com cebola e sem queijo.

A pizza de calabresa paulistana é como uma porção de linguiça acebolada sobre um pão fininho untado com tomate. Quem não gosta disso não gosta mais do quê? De filhotinhos de cachorro? De cafuné? É escandaloso.

Algumas pessoas sensatas tentaram explicar o óbvio:

Em vão. Porque a turba furiosa insistiu na tese furada do queijo compulsório.

Ah, é mesmo, é? Não recebi o memorando! Em qual tábua dos Dez Mandamentos está escrito que toda pizza deve levar queijo? Em qual artigo da Constituição Federal? O que é isso? Ditadura? E os direitos das pessoas intolerantes à lactose, ficam como?

Curiosamente, a pizza de calabresa com queijo e sem cebola também foi criada em São Paulo, na Castelões, a pizzaria mais antiga do Brasil em funcionamento, fundada em 1924.

Se você quer uma pizza de calabresa com queijo e sem cebola numa pizzaria paulistana, é só procurar essa opção no cardápio. Em muitas delas, ela leva o nome Castelões. E tem também a Toscana, que costuma ser feita com queijo e calabresa moída.

Estamos conversados? Agora eu preciso me acalmar um pouco. Então, por favor, permita que a pizza de calabresa com cebola e sem queijo invada sua casa/coração.

Veja nossas publicações abertas

Você se inscreveu no Núcleo Jornalismo
Legal ter você de volta! Seu login está feito.
Ótimo! Você se inscreveu com sucesso.
Seu link expirou
Sucesso! Veja seu email para o link mágico de login. Não é preciso senha.
Por favor digite ao menos 3 caracteres 0 Resultados da busca