E o Nobel vai para...

Nas redes, as premiações desse ano, que reforçaram a contribuição de jovens cientistas, foram bastante comentadas. E você, o que achou dos nobelistas de 2022?

Receba de graça a newsletter Polígono


Anualmente, a famosa  e histórica Fundação Nobel premia as contribuições feitas em cinco categorias: química, física, fisiologia ou medicina, literatura e paz. E, claro que, uma das principais premiações mundiais não ia passar desapercebida pelas redes sociais.

Os laureados desse ano foram muito comentados nas redes sociais, e trouxeram grandes contribuições nas cinco áreas premiadas.

Se você está se perguntando sobre prêmio para a economia, ele não faz parte das láureas concedidas pela Fundação Nobel. Ele é dado pelo Banco da Suécia às contribuições na área das ciências econômicas.

Juntos e emaranhados

A astrofísica Stephane Werner comentou sobre os laureados da física, por suas pesquisas com ciência da informação quântica.

O pessoal do Rolê Científico comentou um pouco mais sobre esses experimentos realizados: quando dois fótons (partículas que compõem a luz) estão entrelaçados, é possível utilizar essa "ponte" para transferir informações entre uma partícula e outra e manipular seus estados.

As implicações desse tipo de conhecimento podem ser muitas, inclusive em uma forma ainda mais segura de criptografar nossos dados.

Um dos laureados de 2022, inclusive, fez uma bela declaração mostrando que nada do que fazemos na ciência, fazemos sozinhos. Reforçando e estimulando, inclusive, a contribuição de jovens cientistas nesse prêmio!

A química num click!

Já a Universidade de São Paulo (USP) trouxe os laureados da área da química que chegaram num método prático e rápido de construção de moléculas.

O pessoal do Rolê Científico também comentou sobre os laureados da química de 2022.

O trio de pesquisadores desenvolveu um conjunto de ferramentas que, a partir de uma única reação (com duas moléculas chamadas azida e alcino, na presença de íons cobre) podem gerar diferentes moléculas com várias aplicações. Como num clique!

Uma das aplicações dessa ferramenta está no possível uso em seres vivos, com a geração de medicamentos que possam atuar sobre células tumorais.

E, novamente, não passou desapercebido o reconhecimento (mais que justo) que alguns laureados deram para jovens cientistas, como foi o caso de uma das laureadas do Nobel de Química.

Nem os ex-colegas deixaram de saudar os laureados nas redes sociais! Tom Morello, guitarrista da banda Rage Against the Machine, deixou sua homenagem para uma de nossas laureadas, colega de banda do guitarrista nos tempos de universidade.

De olho no passado da humanidade

O laureado da categoria Fisiologia ou Medicina de 2022 foi o pesquisador Svante Pääbo. Ele recebeu a láurea por suas pesquisas sobre nossos antepassados, criando abordagens importantes que permitiram o sequenciamento do genome de espécies já extintas, mas que coexistiram com o Homo sapiens.

A Academia Brasileira de Ciências comentou sobre o prêmio.

O Rolê Científico também trouxe uma série de portagens (em uma brilhante cobertura dos laureados de 2022) falando sobre as pesquisas de Pääbo.

O pesquisador sequenciou o genoma do Neandertal, além de ter descoberto outro "parente das antigas", o Denisovano, a partir de um pedacinho de osso de dedo achado em uma caverna na Sibéria e um dente no Tibet.

Eu não fiquei de fora e comentei sobre os principais achados de Pääbo nessa área de pesquisa, a paleogenômica. Em resumo, as aplicações são imensas para a compreensão da evolução de nossa espécie e como chegamos até aqui.

Vale a pena conferir as imagens explicativas que o Laboratório de Arqueologia e Antropologia Ambiental e Evolutiva, da USP, criou para contar sobre a pesquisa.

"Sentir a essência das coisas"

O nobel de literatura de 2022 foi concedido a Annie Ernaux, a 17ª mulher a ser laureada entre 119 laureados.

Ernaux é autora do livro "O Acontecimento", que inspirou o filme de mesmo nome, dirigido por Audrey Diwan e premiado no Festival de Veneza com o Leão de Ouro.

E você poderá ter uma oportunidade de conhecê-la pessoalmente esse ano! A laureada estará na FLIP, participando de um bate-papo com a escritora gaúcha Veronica Stigger. O evento ocorrerá entre 23 a 27 de novembro.

A jornalista Vera Magalhães reforçou a beleza e importância das contribuições de Ernaux para a literatura.

E para quem ficou interessado em mais obras da laureada, o Jornal Correio traz cinco leituras da autora para quem quiser conhecê-la um pouco mais.

A luta pela democracia

Os laureados para o Prêmio Nobel da Paz de 2022 foram o ativista Ales Bialiatski, de Belarus, e as ONGs Memorial (Rússia) e Centro para as Liberdades Civis (Ucrânia), por denunciarem crimes de guerra, abusos de poder e desrespeitos aos direitos humanos.

A TV Cultura também comentou sobre os laureados de 2022 e sua luta pela democracia em seus países de origem.

A CNN Brasil trouxe mais informações sobre os laureados.

O ativista Ales Bialiatski foi "preso após manifestação contra o regime do ditador belarusso Aleksandr Lukashenko", enquanto "as entidades da Rússia e da Ucrânia foram responsáveis por um esforço notável para documentar crimes de guerra, abusos dos direitos humanos e abuso de poder. Além disso, demonstram a importância da sociedade civil para a paz e a democracia".

O jornalista Jamil Chade escreveu sobre os ganhadores do Nobel da Paz de 2022, ano em que tivemos um recorde de inscritos para a láurea – mais de 340 nomes – em um momento em que "a maior ameaça à segurança europeia desde o final da Segunda Guerra Mundial" se instalava no mundo.

Alguns líderes europeus aproveitaram a ocasião para mandar seus recados, como o presidente francês Emmanuel Macron.

"Ales Bialiatski na Bielorrússia, a ONG Memorial na Rússia, o Centro para as Liberdades Civis na Ucrânia: o Prêmio Nobel da Paz homenageia os defensores inabaláveis ​​dos direitos humanos na Europa. Artesãos da paz, sabem que podem contar com o apoio da França." (tradução livre)

Veja nossas publicações abertas

Você se inscreveu no Núcleo Jornalismo
Legal ter você de volta! Seu login está feito.
Ótimo! Você se inscreveu com sucesso.
Seu link expirou
Sucesso! Veja seu email para o link mágico de login. Não é preciso senha.
Por favor digite ao menos 3 caracteres 0 Resultados da busca