WhatsApp começa a liberar comunidades e grupos com até 1.024 participantes

Liberação dos novos recursos será gradual e pode levar “meses”, segundo a empresa.

O WhatsApp liberou o recurso de comunidades — os “grupos de grupos” que prometem organizar melhor as conversas no aplicativo.

COMO ASSIM? As comunidades foram anunciadas no início de 2022. Elas lembram um pouco o funcionamento de aplicativos mais complexos, como Slack e Discord.

Uma comunidade agrega diferentes grupos relacionados entre si. Um dos exemplos dados pelo WhatsApp é uma comunidade de condomínio: dentro dela, podem existir grupos para ajuda entre vizinhos, caronas e trocas, por exemplo.

Dois prints do WhatsApp, mostrando uma comunidade, com alguns textos nas laterais explicando detalhes do recurso.
Exemplo de comunidade. Imagem: WhatsApp/Divulgação.

Um usuário participante de uma comunidade não precisa estar em todos os grupos. Cabe a ele a escolha de quais participar.

Os administradores das comunidades têm o poder de enviar mensagens a todos os participantes, em um grupo de “anúncios”.

As comunidades ficam concentradas em uma nova aba. No Android, ela fica no topo da tela; no iOS, embaixo.

O QUE MAIS? Junto às comunidades, o WhatsApp lançou novos recursos que expandem o alcance e possibilidades dos grupos:

  • Chamadas de vídeo com até 32 participantes;
  • Grupos com até 1.024 participantes; e
  • Enquetes dentro dos grupos.

Todas as novidades, incluindo as comunidades, chegarão aos usuários gradualmente. O WhatsApp diz que a distribuição acontecerá “nos próximos meses”.

E NO BRASIL? Embora o anúncio oficial não mencione o Brasil e fale na “implementação das Comunidades no WhatsApp em todo o mundo”, espera-se que só tenhamos acesso às novidades em 2023.

Em agosto, o WhatsApp acatou uma recomendação do Ministério Público Federal e garantiu que mudanças no funcionamento do aplicativo só seriam liberadas no país no ano que vem.

Via WhatsApp

Post feito em parceria com o Manual do Usuário

Veja nossas publicações abertas

Você se inscreveu no Núcleo Jornalismo
Legal ter você de volta! Seu login está feito.
Ótimo! Você se inscreveu com sucesso.
Seu link expirou
Sucesso! Veja seu email para o link mágico de login. Não é preciso senha.
Por favor digite ao menos 3 caracteres 0 Resultados da busca