Em Spaces, Musk diz que Twitter é avião caindo em chamas e sem controle

Musk participou de Spaces com ex-funcionário do Twitter e falou sobre situação financeira da empresa

O Elon Musk deu as caras num Spaces na madrugada desta quarta-feira (21.dez) e entregou bastante informação sobre a atual situação do Twitter.

  • Quem iniciou o Spaces foi o engenheiro de software George Hotz, conhecido pelo apelido hacker Geohot, e que se demitiu do Twitter na terça-feira. Segundo o The Verge, Hotz começou a trabalhar no Twitter como um estagiário em meados de novembro após se oferecer para Musk via Twitter. Mas um mês depois ele disse que não via nenhum impacto real que poderia ter por lá.

Alex Heath, editor do The Verge, fez um longo fio no Twitter com alguns destaques da participação de Musk no Spaces.

API. No Spaces, Hotz teria demonstrado sua frustração com o fato do Twitter ter 5 APIs (interfaces de programação de aplicativo) diferentes para operar. Segundo Heath, do Verge, "parece que Musk está sabendo disso agora e concorda".

O problema é que qualquer mudança na API do Twitter seria ruim não só para usuários imediatos do Twitter mas para centenas de outras aplicações desenvolvidas com base nessas APIs. As APIs também são a forma como pesquisadores acadêmicos e jornalistas conseguem "estudar" a rede.

FINANÇAS. Musk disse que o Twitter está projetado para gastar US$ 5 bilhões em 2023 e com uma saída líquida de U$6,5 bilhões, sem mudanças da sua parte. "“É por isso que passei as últimas cinco semanas cortando custos como um doido”, disse Musk. A receita líquida está projetada em US$ 3 bilhões, o que significa uma perda de US$3 bilhões com reserva de caixa de US$1 bilhão.

  • "Você está em um avião indo para o chão em alta velocidade com os motores em chama e os controles não funcionam", teria dito Musk sobre a situação financeira do Twitter.

MENÇÃO A OUTRAS REDES. O executivo admitiu que a proibição a menções a outras redes concorrentes – que já foi revertida pela empresa – foi um erro. Ele disse que agora as pessoas podem postar sobre o Mastodon o dia todo. "Da perspectiva da evolução, como os mastodontes se saíram?", disse Musk.

Texto Laís Martins
Edição Alexandre Orrico

Veja nossas publicações abertas

Você se inscreveu no Núcleo Jornalismo
Legal ter você de volta! Seu login está feito.
Ótimo! Você se inscreveu com sucesso.
Seu link expirou
Sucesso! Veja seu email para o link mágico de login. Não é preciso senha.
Por favor digite ao menos 3 caracteres 0 Resultados da busca