Cadastre-se gratuitamente nas nossas newsletters

A Meta está processando a Comissão Federal de Comércio (FTC) dos EUA para evitar que o regulador altere, unilateralmente, os termos de um acordo de 2020 envolvendo privacidade e monetização de dados de usuários menores de idade.

CÃO DE GUARDA. A companhia argumentou em sua ação, protocolada na quarta-feira (30.nov.2023), que a FTC tem “autoridade estruturalmente inconstitucional” na forma como fiscaliza e pune casos contra empresas por meio de seu tribunal administrativo interno.

DOEU NO BOLSO. O acordo de 2020 com a FTC resultou no pagamento de uma multa de US$5 bilhões por violações de privacidade.

REINCIDÊNCIA. A FTC disse em mai.2023 que a Meta falhou no cumprimento do acordo de 2020, e passou a propor diversas mudanças – incluindo proibir totalmente a companhia de monetizar dados de menores.

Via Politico e AP

MetaRegulaçãoAmazon
Venha para o NúcleoHub, nossa comunidade no Discord.