YouTube derruba live com alegação falsa de fraude eleitoral

Após reportagem do Núcleo, plataforma tirou do ar transmissão ao vivo que durava mais de 15 horas

O YouTube tirou do ar uma transmissão ao vivo que trazia um compilado de vídeos com alegações infundadas sobre fraude no processo eleitoral, após reportagem do Núcleo na segunda-feira (03.out.2022) e subsequente repercussão nas redes sociais.

Quando o Núcleo publicou a reportagem, a transmissão já estava no ar há mais de 15 horas e somava 94 mil curtidas. O canal que publicou o vídeo tem mais de 560 mil assinantes.

O Núcleo entrou em contato com o YouTube sobre o caso, enviando o link da live e não obteve resposta oficial.

YouTube permite transmissão que alega fraude eleitoral
Transmissão ao vivo está no ar há pelo menos 15 horas com compilado de vídeos que falsamente alegam fraude nas urnas

Veja nossas publicações abertas

Você se inscreveu no Núcleo Jornalismo
Legal ter você de volta! Seu login está feito.
Ótimo! Você se inscreveu com sucesso.
Seu link expirou
Sucesso! Veja seu email para o link mágico de login. Não é preciso senha.
Por favor digite ao menos 3 caracteres 0 Resultados da busca