A 10 dias das eleições, Twitter ainda não aplicou etiqueta de identificação em todos os candidatos

Apenas candidatos à Presidência receberam a verificação de candidatura da plataforma em sua totalidade

Em abril, o Twitter anunciou iniciativas específicas para combater fake news nas eleições brasileiras, sendo uma delas a inclusão de etiquetas de identificação dos candidatos que utilizam a rede social.

Em agosto, o Núcleo questinou a plataforma sobre a aplicação da medida e a resposta foi  "entre o fim de agosto e começo de setembro".

No entanto, faltando somente 10 dias para as eleições, até a noite desta quinta-feira (22.set) nem todos os candidatos tinham o selo conforme o prometido – ou seja, em todos os candidatos a presidente, governador, senador e deputado federal.

Pesquisamos alguns perfis aleatórios registrados no TSE (Tribunal Superior Eleitoral) – a base oficial anunciada pelo Twitter como referência e notamos que muitos candidatos não possuem o selo.

DEPUTADO FEDERAL. Nenhum candidato a deputado federal consultado pelo Núcleo possuía a etiqueta.

As candidatas à deputada federal por São Paulo e Santa Catarina, Tamires Sampaio e Julia Zanatta, não possuem o selo. O deputado federal por Pará candidato à reeleição Airton Faleiro também não. Nem mesmo o presidente da Câmara, Arthur Lira, tinha a estampa.

GOVERNO DO ESTADO. O candidato ao Governo do Estado de São Paulo, Fernando Haddad, possui a etiqueta, mas a governadora do Estado do Rio Grande do Norte, Fátima Bezerra, candidata à reeleição, não.

SENADO. O senador Fernando Collor e Rodrigo Cunha, candidatos ao governo de Alagoas, também não possuem o selo, mas Paulo Dantas, atual líder das pesquisas no Estado, possui o selo.

O candidato ao Senado pelo Novo por Mato Grosso Feliciano Azuaga possui a etiqueta, assim como o candidato ao Senado por Pernambuco Gilson Machado, que não registrou seu perfil no Twitter no TSE.

Já o candidato ao Senado pelo Paraná Orlando Pessuti não tem essa marca.

PRESIDÊNCIA. Todos os candidatos à Presidência receberam a verificação de candidatura da plataforma. As eleições para o Legislativo não possuem segundo turno, portanto terminam no próximo 2.out.22.

Resposta do Twitter


Questionado pelo Núcleo em 22.set, o Twitter respondeu em 23.set. Leia a íntegra:

"O Twitter aplicou etiquetas de identificação de candidatos(as) nas contas ativas das pessoas que estão concorrendo à presidência, governos estaduais e Senado, mas segue continuamente revisando essa aplicação para incorporar todas as contas necessárias. 

Vale notar que alguns candidatos estão voltando a usar suas contas após vários meses de inatividade, e este é um dos motivos pelos quais continuaremos monitorando e aplicando os rótulos até o último momento. Devido a questões técnicas internas no processo de identificação das contas e aplicação das etiquetas, não será possível adicioná-las às contas de candidatos(as) a deputados(as) federais."

Edição Sérgio Spagnuolo


Faça parte da conversa

Apoie o Núcleo para publicar seu comentário, reagir à matéria e participar da conversa. Caso já seja apoiador ou apoiadora, faça login abaixo sem senha, usando apenas seu email.


Veja nossas publicações abertas

Você se inscreveu no Núcleo Jornalismo
Legal ter você de volta! Seu login está feito.
Ótimo! Você se inscreveu com sucesso.
Seu link expirou
Sucesso! Veja seu email para o link mágico de login. Não é preciso senha.
Por favor digite ao menos 3 caracteres 0 Resultados da busca