Cadastre-se gratuitamente nas nossas newsletters

Em abril, o Twitter anunciou iniciativas específicas para combater fake news nas eleições brasileiras, sendo uma delas a inclusão de etiquetas de identificação dos candidatos que utilizam a rede social.

Em agosto, o Núcleo questinou a plataforma sobre a aplicação da medida e a resposta foi  "entre o fim de agosto e começo de setembro".

No entanto, faltando somente 10 dias para as eleições, até a noite desta quinta-feira (22.set) nem todos os candidatos tinham o selo conforme o prometido – ou seja, em todos os candidatos a presidente, governador, senador e deputado federal.

Pesquisamos alguns perfis aleatórios registrados no TSE (Tribunal Superior Eleitoral) – a base oficial anunciada pelo Twitter como referência e notamos que muitos candidatos não possuem o selo.

DEPUTADO FEDERAL. Nenhum candidato a deputado federal consultado pelo Núcleo possuía a etiqueta.

As candidatas à deputada federal por São Paulo e Santa Catarina, Tamires Sampaio e Julia Zanatta, não possuem o selo. O deputado federal por Pará candidato à reeleição Airton Faleiro também não. Nem mesmo o presidente da Câmara, Arthur Lira, tinha a estampa.

GOVERNO DO ESTADO. O candidato ao Governo do Estado de São Paulo, Fernando Haddad, possui a etiqueta, mas a governadora do Estado do Rio Grande do Norte, Fátima Bezerra, candidata à reeleição, não.

SENADO. O senador Fernando Collor e Rodrigo Cunha, candidatos ao governo de Alagoas, também não possuem o selo, mas Paulo Dantas, atual líder das pesquisas no Estado, possui o selo.

O candidato ao Senado pelo Novo por Mato Grosso Feliciano Azuaga possui a etiqueta, assim como o candidato ao Senado por Pernambuco Gilson Machado, que não registrou seu perfil no Twitter no TSE.

Já o candidato ao Senado pelo Paraná Orlando Pessuti não tem essa marca.

PRESIDÊNCIA. Todos os candidatos à Presidência receberam a verificação de candidatura da plataforma. As eleições para o Legislativo não possuem segundo turno, portanto terminam no próximo 2.out.22.

Resposta do Twitter


Questionado pelo Núcleo em 22.set, o Twitter respondeu em 23.set. Leia a íntegra:

"O Twitter aplicou etiquetas de identificação de candidatos(as) nas contas ativas das pessoas que estão concorrendo à presidência, governos estaduais e Senado, mas segue continuamente revisando essa aplicação para incorporar todas as contas necessárias. 

Vale notar que alguns candidatos estão voltando a usar suas contas após vários meses de inatividade, e este é um dos motivos pelos quais continuaremos monitorando e aplicando os rótulos até o último momento. Devido a questões técnicas internas no processo de identificação das contas e aplicação das etiquetas, não será possível adicioná-las às contas de candidatos(as) a deputados(as) federais."

Edição Sérgio Spagnuolo

Twitter/XEleições 2022
Venha para o NúcleoHub, nossa comunidade no Discord.